Connect with us

Pop

Neto de Luiz Gonzaga rebate Juliette e diz que família não foi consultada sobre adaptação de 'Pagode Russo'

Published

on


Daniel Gonzaga, um dos 4 filhos de Gonzaguinha, diz que direitos de clássico de Gonzagão pertencem a gravadora. Em entrevista ao g1, Juliette afirmou que família do compositor ouviu e aprovou ‘Vem Galopar’ com ‘receptividade’ e ‘carinho’. ‘Ninguém autorizou’, diz neto de Luiz Gonzaga sobre nova música de Juliette
Daniel Gonzaga, neto de Luiz Gonzaga (1912-1989), rebateu a cantora Juliette e disse que a família do rei do baião não foi consultada sobre “Vem Galopar”, música que adapta o clássico “Pagode Russo”.
“Ninguém da minha família autorizou nada”, diz o músico, em um vídeo publicado no Instagram neste sábado (22). Na gravação, Daniel afirma que os direitos sobre “Pagode Russo” são de propriedade da Universal Music, empresa que também administra os lançamentos de Juliette.
“Anteriormente, essa música havia sido pleiteada para ser gravada por Anitta e nem autorização eles pediram.”
“Não há uma autorização formal da família Gonzaga. A música é deles e eles fazem o que quiserem. Tem sido assim cada vez mais. A gente tenta chamar a atenção para esse fato, mas ninguém liga.”
Daniel Gonzaga é um dos quatro filhos de Luiz Gonzaga do Nascimento Júnior, o Gonzaguinha (1945-1991), filho de Luiz Gonzaga. Os irmãos dele são Amora Pêra, Fernanda Gonzaga e Mariana Gonzaga. Além de Gonzaguinha, Luiz Gonzaga tem como herdeira Rosinha Gonzaga, adotada pelo rei do baião no começo da década de 1950.
Juliette
Brunini / Divulgação
‘Receptividade’
Em entrevista ao g1 sobre “Vem Galopar”, Juliette afirmou que a música incluída em seu álbum “São Juão”, lançado no dia 14 deste mês, foi aprovada pela família de Gonzagão “com o maior carinho”. “Eles viram com bons olhos, fico muito grata”, disse.
“Tiveram a maior receptividade. Eles são muito criteriosos com isso. É muito difícil a família de Gonzaga liberar alguma coisa. Eles têm que ouvir e entender que não vai ser nada prejudicial à obra dele.”
O produtor Rafinha RSQ, que trabalhou em “Vem Galopar” e em outras faixas do disco da cantora, também falou sobre a aprovação pela família de Luiz Gonzaga. “Para ter tudo muito certo e regulamentado, a gente conseguiu a autorização da família de Gonzaga. Eles escutaram, aprovaram e falaram: ‘vamos nessa!’. Então, foi uma aprovação 100% da família dele.”
Depois das declarações de Daniel, a assessoria de imprensa de Juliette divulgou um comunicado afirmando que a autorização foi feita com intermediação da editora pertencente à Universal Publishing. No mercado musical, as editoras são empresas responsáveis pela administração e proteção dos direitos autorais gerados pelas obras.
G1 explica por que forró viral de Juliette é tão grudento
“A assessoria de Juliette informa que a cantora, que respeita, exalta e difunde a obra de Luiz Gonzaga e João Silva, solicitou à Universal Publishing (editora) que as famílias de Gonzaga e [o também compositor de ‘Pagode Russo’ João] Silva autorizassem o lançamento da música, independentemente se a editora fosse detentora dos direitos”, afirma a nota.
“A Publishing garantiu a Juliette que a família de Luiz Gonzaga e João Silva havia autorizado o lançamento da música, não havendo qualquer restrição quanto a isso. A editora também afirmou à cantora que familiares ouviram o resultado e que gostaram da versão. Juliette afirma que não é ela a responsável pelos trâmites legais que envolvem a liberação de fonogramas.”
Procurada, a Universal Music não se manifestou sobre o caso. Na entrevista ao g1, Juliette e Rafinha RSQ não mencionaram a participação da empresa nos trâmites de aprovação da versão.
Initial plugin text

Anúncios

Pop

Episódio de 'Os Simpsons' com atirador em comício é suspenso por canal britânico um dia após atentado contra Trump

Published

on


O episódio nem cita, nem faz referências a Trump. Mesmo assim, a emissora suspendeu a exibição por possível semelhança. Cena de episódio de ‘Os Simpsons’
Reprodução
A emissora britânica Channel 4 cancelou a exibição de um episódio do desenho “Os Simpsons”, no domingo (14). A mudança na programação aconteceu um dia após Donald Trump sofrer um atentado num comício, nos Estados Unidos.
Intitulado “Lisa the Iconoclast”, o episódio estava programado para ir ao ar às 13h. Em uma de suas cenas, a personagem Lisa discursa no pódio de um comício e é se torna a mira de um atirador.
O episódio nem cita, nem faz referências a Trump. Mesmo assim, a emissora suspendeu a exibição. No dia anterior, o candidato presidencial republicano discursava para seus eleitores quando os disparos foram feitos.
Trump foi atingido de raspão na orelha direita. Na sequência, ele foi escoltado por seguranças e retirado do palco. O ex-presidente já recebeu alta e deixou o centro médico que o atendeu.
Serviço Secreto dos EUA identificou há semanas um plano do Irã pra assassinar Trump

Anúncios
Continue Reading

Pop

Torcedor mirim viraliza ao reclamar de show de Shakira na final da Copa América

Published

on


Criança argentina lamentou apresentação de 30 minutos da cantora no intervalo do jogo. ‘E ainda cantou em inglês.’ Torcedor mirim viraliza ao reclamar de show de Shakira na final da Copa América
Reprodução-Twitter
Um torcedor mirim argentino viralizou ao aparecer em uma entrevista reclamando do show da apresentadora na final da Copa América 2024, que aconteceu no domingo (14).
Shakira fez um show de 30 minutos no intervalo da partida entre Argentina e Colômbia. E como o jogo ainda foi para a prorrogação, o repórter da TV argentina C5N comenta com o garotinho que a partida “não terminava mais”.
Embora tenha visto seu time ser o campeão do campeonato, o pequeno torcedor argentino concorda com o comentário e, ainda, emenda uma crítica à cantora colombiana.
“Sim! E esta Shakira, também… Trinta minutos pra fazer esse show de merda. E ainda cantou em inglês.”
Sem reação, o repórter se despede do garoto. Nas redes sociais, o vídeo do torcedor mirim provocou diversos comentários.
“Amamos a Shakira, mas nesse caso, ele tem toda a razão”, escreveu um internauta. “Coitada da Shakira”, disse outro. “Ele tem razão. Por que ela cantou em inglês em uma final entre latino-americanos?”, questionou mais um.

Anúncios
Continue Reading

Pop

Ryan Reynolds e Hugh Jackman, de Deadpool & Wolverine, visitam o Maracanã

Published

on


Ao lado da atriz Emma Corrin, do diretor Shawn Levy e dos jogadores do Flamengo Pedro e David Luiz, os astros entraram no gramado do Maracanã, bateram pênaltis e vibraram com a presença no campo histórico. Elenco de Deadpool & Wolverine conhece o Maracanã
Os astros do filme Deadpool & Wolverine estiveram nesta segunda-feira (15) no Maracanã, na Zona Norte do Rio, e vibraram com a experiência de entrar em campo e balançar as redes no estádio histórico.
Os astros Ryan Reynolds, o Deadpool, e Hugh Jackman, o eterno Wolverine, assim como a atriz Emma Corrin e o diretor Shawn Levy, foram recebidos pelos jogadores do Flamengo Pedro e David Luiz no campo do Maracanã.
Pedro, Emma Corrin, Ryan Reynolds, Hugh Jackman, Shawn Levy e David Luiz no campo do Maracanã
Divulgação
Além do encantamento com o estádio, os astros puderam bater uma bolinha no campo histórico. Todos fizeram questão de registrar o momento em suas redes sociais.
Em cobrança de pênalti, o ator que faz o anti-herói Deadpool nos cinemas vibrou por fazer um gol no Maracanã. Na opinião de Ryan Reynolds, “há poucas coisas melhores do que marcar um gol em um estádio sagrado”. Ele também destacou a emoção do diretor Shawn Levy.
“Se eu tivesse que escolher um, seria a comemoração gratuita após o gol, onde se abandona toda humildade, graça e equilíbrio. Preste muita atenção em Shawn Levy. Este era o seu Waterloo. Esta era a hora dele”, escreveu Reynolds em suas redes sociais.
Ryan Reynolds vibra após marcar um gol no Maracanã
Reprodução redes sociais
O passeio pelo Maracanã faz parte de mais uma ação para o lançamento do filme Deadpool & Wolverine, que no Brasil estreia no próximo dia 25 de julho.
“É um sonho estar aqui no Maracanã. Eu sou um grande fã de futebol e sempre quis visitar este estádio histórico”, disse Reynolds.
Hugh Jackman visitou o Maracanã em ação para divulgar o filme Deadpool & Wolverine
Reprodução redes sociais
Apesar da visita acontecer em um dia sem jogo oficial, a força do estádio fez Hugh Jackman sonhar em conhecer o estádio lotado.
“Eu fiquei imaginando a energia neste lugar quando está cheio de fãs. (…) deve ser incrível. É fácil ver por que ele é considerado um dos estádios mais icônicos do mundo”, comentou o Wolverine.
Mais cedo, Reynolds, Jackman e Levy postaram tomando café em um hotel com a bela vista da Praia de Ipanema, na Zona Sul do Rio.
No domingo (14), Hugh Jackman também aproveitou o dia para andar de bicicleta pela orla e conhecer um pouco das praias de Ipanema e Leblon.
Elenco de Deadpool & Wolverine no Rio nesta segunda-feira (15)
Reprodução
Wolverine passeando pela Zona Sul do Rio
Reprodução redes sociais
Assista o trailer de Deadpool & Wolverine:
Assista ao trailer de ‘Deadpool & Wolverine’

Anúncios
Continue Reading

0 Items Found

No listings found.

Em alta